Notícias » Estados Unidos

"Alguém que eu confio de verdade": Kanye West vota em si mesmo nos EUA

O responsável pela marca Yeezy e vencedor de 21 Grammys afirmou ter votado pela primeira vez

Wallacy Ferrari Publicado em 04/11/2020, às 10h29

Kanye West em fotografia no ano de 2009
Kanye West em fotografia no ano de 2009 - Wikimedia Commons

O cantor e candidato à presidência dos Estados Unidos, Kanye West, publicou no Twitter que, de maneira inédita, estava indo as urnas para escolher um novo nome para ocupar o cargo máximo do poder executivo no país: "Votando pela primeira vez na vida para presidente dos Estados Unidos, e para alguém que eu confio de verdade... eu mesmo".

O produtor chegou a postar um vídeo votando nele mesmo na cidade de Cody, no Wyoming. Mesmo tendo o nome incluído na lista de candidatos em alguns estados, Kanye fez questão de gravar o preenchimento da cédula onde seu nome não estava presente, justamente para auxiliar apoiadores a preencher corretamente a ficha com o nome do candidato, como fez nas últimas semanas em suas reder sociais.

Apesar de ser dono de um patrimônio líquido de 1,3 bilhão de dólares de acordo com a Forbes, West solicitou um empréstimo de 6,7 milhões de dólares para fazer sua cômica campanha, sendo declarado nos documentos da Comissão Eleitoral Federal. Além da tentativa, o rapper já anuncia no Twitter que faz questão de concorrer novamente em 2024.

Apesar de obter um notável apoio da população negra americana pelos trabalhos anteriores, Kim Kardashian, influencer digital e esposa do cantor, não pareceu tão favorável à eleição do companheiro, optando por não apoiar publicamente Kanye, além de citar a da candidata democrata vice-presidencial Kamala Harris na última terça-feira, 3.