Notícias » Mitologia

Após 20 anos de pesquisa, especialista afirma que o Monstro do lago Ness não existe

O paleantropólogo Darren Naish trouxe uma péssima novidade para os caçadores de monstros

Thiago Lincolins Publicado em 07/06/2019, às 08h00 - Atualizado às 18h00

None
Crédito: Reprodução

Darren Naish, paleontólogo da Universidade de Southampton, no Reino Unido, trouxe uma novidade decepcionante para os caçadores de monstros. De acordo com o estudioso, o Monstro do Lago Ness nunca existiu.

Durante o Festival de Ciências de Cheltenham, o pesquisador explicou que as recentes imagens, que provariam a existência do monstro, mostram apenas “pequenas bolhas de baixa resolução" tiradas à distância. Conforme explica o estudioso, com as câmeras dos celulares atuais, existiriam fotos nítidas, melhores do que as que foram divulgadas nos últimos anos.

A icônica fotografia do monstro / Crédito: Reprodução

 

“Por que não estamos vendo boas fotos de monstros marinhos?”, questiona o zoólogo, que é um dos principais pesquisadores sobre a história da criatura. "Isso leva naturalmente à previsão de que essas não são criaturas reais que estão aí para fotografar".

Imagem recente que tenta provar a sua existência / Crédito: Reprodução

 

Todavia, diversas fotografias recentes tentaram afirmar que o monstro é real. “Estou sempre aberto a novas evidências. Alguém poderia matar um Pé Grande ou Nessie amanhã e tudo o que eu dissesse estaria errado”, finalizou o pesquisador que já publicou 20 artigos sobre criaturas míticas e animais pré-históricos.