Notícias » Entretenimento

Após compartilhar texto no Twitter, autora de ‘The Handmaid's Tale’ é acusada de transfobia

Margaret Atwood foi alvo de polêmica nas redes sociais

Isabela Barreiros Publicado em 23/10/2021, às 10h10

A autora canadense Margaret Atwood
A autora canadense Margaret Atwood - Getty Images

Margaret Atwood, conhecida por escrever a série "The Handmaid's Tale", compartilhou um artigo em seu perfil no Twitter na última terça-feira, 19, e passou a ser alvo de uma polêmica que a acusava de transfobia

O artigo, escrito pela colunista Rosie DiManno, intitulado "Por que não podemos mais dizer 'mulher'?", critica o uso da linguagem neutra especialmente em termos de gênero, opinando que ela causaria o “apagamento das mulheres”. 

Isso tornaria “as pessoas bem-intencionadas sem palavras, para que não sejam atacadas como transfóbicas ou de outra forma insensível às construções cada vez mais complexas de gênero” ao ter a palavra “mulher” substituída por outros termos.

No texto, DiManno escreve ainda que “a palavra mulher estava em perigo de se tornar um palavrão” e poderia ser “riscada do vocabulário oficial, erradicada do vocabulário médico e expurgado das conversas”.

Embora Atwoodtenha apenas repercutido o artigo, sem escrever legendas ou comentários, apenas o ato fez com que ela se tornasse alvo da polêmica. Muitos internautas acusaram a autora de transfobia e iniciaram uma tentativa de conscientizá-la, como noticiou o UOL.

Um deles opinou: "Muitas organizações estão — com razão — optando por uma linguagem precisa ao falar sobre coisas que têm a ver com características biológicas em vez de identidade de gênero. Não é um ataque à feminilidade NÃO igualar gênero com biologia específica". 

Amanda Jette Knox, jornalista estadunidense, também comentou o ocorrido: "Estou desapontada que você compartilhou isso, porque não é verdade. Ainda podemos dizer 'mulher' e também podemos dizer 'pessoas' quando faz sentido usar uma linguagem mais inclusiva. Eu não sou binária. Também menstruei e dei à luz 3 filhos. Dizer 'pessoas com menstruação' inclui mulheres E eu".