Notícias » Estados Unidos

Após cumprir liberdade condicional, O. J. Simpson está livre

Na década de 1990, o julgamento do jogador de futebol americano chamou a atenção nos EUA

Penélope Coelho Publicado em 15/12/2021, às 09h57

O.J. Simpson, em 2017
O.J. Simpson, em 2017 - Getty Images

Na noite da última terça-feira, 14, a polícia dos Estados Unidos confirmou que agora O.J. Simpson é um homem completamente livre, após cumprir o período de sua liberdade condicional.

Em 1994, o conhecido jogador de futebol americano dividiu seu país, após polêmico julgamento em que era acusado por duplo assassinato, de sua esposa Nicole Brown e de seu amigo Ron Goldman, mortos com golpes de faca. Em 1995, ele foi absolvido.

De acordo com informações publicadas pela agência de notícias AFP, nesta quarta-feira, 15, O. J. cumpria pena por assalto à mão armada.

Em liberdade condicional desde 2017, agora o Conselho de Comissários de Liberdade Condicional de Nevada, nos EUA, decidiu antecipar o fim da pena para o homem de 74 anos.

"A decisão de conceder a liberdade condicional antecipada foi ratificada em 6 de dezembro de 2021. O Conselho concedeu créditos em valor igual ao tempo restante da pena para reduzir a pena em tempo cumprido”, afirmou Kim Yoko Smith, porta-voz da polícia de Nevada.