Notícias » EUA

Após dois anos, inquérito conclui que navio MV Golden Ray tombou por falha humana

O navio que portava 4.200 carros novos tombou no dia 8 de setembro de 2019

Redação Publicado em 16/09/2021, às 10h32

MV Golden Ray após tombar, em setembro de 2019
MV Golden Ray após tombar, em setembro de 2019 - Getty Images

Dois anos após o navio coreano MV Golden Ray ter tombado depois de sair do porto de Brunswick, no estado americano da Georgia, foi finalizado o inquérito que apurou as causas do acidente. Segundo informações do UOL, o que levou a embarcação a tombar com 4.200 veículos a bordo foi uma dupla falha humana.

De acordo com o Comitê Nacional Americano de Segurança no Transporte (National Transportation Safety Board – NTSB), equipe responsável pelas investigações, um dos fatores que levaram ao acidente foi um "cálculo incorreto da estabilidade do navio", ocasionado pela má distribuição da carga depois que 200 automóveis foram deixados no porto.

Além disso, houve o "esquecimento de duas portas estanques abertas no interior do casco", permitindo que uma enorme quantidade de água entrasse no cargueiro. Completamente inundado, ele não conseguiu voltar à posição normal e o acidente ocorreu.

Conforme o documento divulgado na última terça-feira, 14, "o chefe de operação do navio calculou erradamente a quantidade de água que deveria ser embarcada para servir de lastro e gerar estabilidade no casco, após desembarcar parte dos automóveis naquele porto, e não houve a dupla checagem desses dados por outro tripulante, a fim de garantir a segurança da operação".