Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Ucrânia

Após invasão russa, presidente da Ucrânia implanta lei marcial

A norma consiste na substituição das leis civis por leis militares

Penélope Coelho Publicado em 24/02/2022, às 10h00

O presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky - Getty Images
O presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky - Getty Images

Após a Rússia invadir o leste ucraniano e iniciar ações militares no país, na madrugada desta quinta-feira, 24, o presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, realizou um discurso para anunciar o rompimento das relações diplomáticas entre as nações.

Além disso, o líder ucraniano também optou por adotar a chamada lei marcial em todo o território. A norma em questão consiste na substituição das leis civis por leis militares.  

"Estamos introduzindo a lei marcial em todo o território do nosso país. Há um minuto, tive uma conversa com o presidente Biden. Os EUA já começaram a unir o apoio internacional”, afirmou.

De acordo com informações publicadas pelo portal de notícias UOL, no comunicado, Zelensky pediu para que a população se mantenha calma:

“Hoje cada um de vocês deve manter a calma. Fique em casa se puder. Nós estamos trabalhando. O exército está trabalhando. Todo o setor de defesa e segurança está funcionando. Sem pânico. Nós somos fortes. Estamos prontos para tudo. Vamos vencer todos porque somos a Ucrânia", finalizou.