Notícias » Família Real Britânica

Após morte de Philip, príncipe Edward pode não receber o título do pai

Filho mais novo da Rainha Elizabeth II, o herdeiro seria o próximo Duque de Edimburgo, mas o título foi herdado por outra pessoa

Pamela Malva Publicado em 14/07/2021, às 16h00

Fotografia do príncipe Eduardo, Conde de Wessex
Fotografia do príncipe Eduardo, Conde de Wessex - Getty Images

Em abril deste ano, a monarquia britânica lamentou a morte do príncipe Philip, o então marido da Rainha Elizabeth II. Agora, o Reino Unido cria suas apostas para descobrir quem será o próximo Duque de Edimburgo, título que ficou sem dono de repente.

Segundo a revista Caras de Portugal, o candidato mais provável para o cargo é o príncipe Edward, filho mais novo de Elizabeth II. Hoje em dia, o herdeiro da monarca vive como Conde de Wessex, mas sempre foi o favorito para assumir o título de seu pai.

Acontece que, ainda de acordo com a publicação, o ducado foi herdado pelo príncipe Charles após a morte de Philip. Como primogênito da rainha, o pai de William e Harry deverá decidir se ficará com o título, ou se o entregará para a Coroa — pode ser, também, que Charles outorgue o ducado ao irmão, ou a outro membro da família.

Em entrevista ao The Sunday Times, o conselheiro de Charles, David White, pontuou que não existe qualquer fator que motive o príncipe a atribuir o ducado logo que se tornar rei. Dessa forma, acredita-se que o título não será de Edward tão cedo.

Primeira imagem com os sucessores de Elizabeth divulgada pela família real / Crédito: Divulgação/ Instagram/ Ranald Mackechnie

 

Herança escrita

A ideia de transformar o príncipe Edward em Duque de Edimburgo nasceu em meados de 1999, quando ele se casou com Sophie Rhys-Jones. Na época, o herdeiro era o único filho da Rainha Elizabeth II com um título de conde — sendo que, na hierarquia nobiliárquica da monarquia, os condes ocupam dois lugares abaixo dos duques.

Pensando nisso, o Palácio de Buckingham emitiu um comunicado naquele mesmo ano, afirmando que o filho mais novo de Elizabeth II seria agraciado como Duque de Edimburgo “no momento em que o título que agora tem o príncipe regresse à Coroa”.

Agora, com as novas dúvidas acerca do ducado, a Clarence House afirmou que “ainda não foi tomada nenhuma decisão” por parte da Coroa. O Palácio de Buckingham, por sua vez, informou que não iria comentar o caso, ainda segundo a revista Caras.

Quando questionado sobre a polêmica, o próprio príncipe Edward pontuou, em entrevista à BBC, que a decisão cabe somente ao seu irmão mais velho, Charles. Na ocasião, o filho caçula de Elizabeth II afirmou que “teremos que esperar” para saber com quem ficará o antigo título do príncipe Philip, que faleceu aos 99 anos.