Notícias » São Paulo

Após propagar Fake News sobre festa na casa de Doria na pandemia, vizinha do governador terá de pagar multa

A mulher foi multada em R$ 8 mil reais; o dinheiro será enviado para o Fundo Municipal da Criança e do Adolescente

Redação Publicado em 12/08/2021, às 13h00

Fotografia de João Doria
Fotografia de João Doria - Getty Images

De acordo com informações publicadas pelo jornal Folha de São Paulo, na última quarta-feira, 11, uma vizinha do governador de São Paulo, João Doria, foi condenada em um acordo feito pelo Tribunal de Justiça do estado a pagar uma multa de R$ 8 mil, após propagar informações falsas sobre o político.

Em vídeo, Alessandra Maluf afirmou, no dia 5 de março — época que correspondia à fase vermelha no plano de contingência da cidade, em meio à pandemia do novo coronavírus, com restrições mais assíduas de isolamento —, que o filho do governador havia promovido uma festa clandestina com música alta.

Na época, o caso repercutiu rapidamente nas redes sociais. A equipe de Doria afirmou que o filho do tucano não mora no local e nem estava na cidade no dia do ocorrido. Com a propagação da notícia falsa, o governador foi atacado.

Foi comprovado que o som alto vinha de outra casa, localizada na mesma rua em que o político mora, no luxuoso bairro paulistano Jardim Europa. De acordo com a dona da residência, não houve aglomeração, apenas uma reunião com poucos amigos. Depois do pedido para que a música fosse desligada, o inconveniente chegou ao fim.

Agora, com a comprovação da Fake News, a vizinha do governador deverá pagar a multa. Ainda segundo revelado pela reportagem da Folha, o dinheiro será encaminhado para o Fundo Municipal da Criança e do Adolescente.