Notícias » China

Após registrar apenas 1 caso positivo de Covid-19, cidade chinesa decreta lockdown

O município de Heihe é localizado na fronteira com a Rússia

Penélope Coelho Publicado em 29/10/2021, às 14h11

Imagem ilustrativa da China em meio à pandemia
Imagem ilustrativa da China em meio à pandemia - Getty Images

Na última quinta-feira, 28, a cidade chinesa de Heihe, localizada na fronteira com a Rússia, entrou novamente em lockdown, após registrar um único caso de covid-19.

De acordo com as autoridades locais, a decisão se deu com objetivo de tentar controlar novos focos de transmissão do vírus no país. Já que a partir de 4 de fevereiro a China irá sediar as Olímpiadas de Inverno de 2022.

De acordo com informações publicadas pelo portal de notícias g1, outro fator que contribuiu para a decisão do atual fechamento em meio à pandemia foi o fato da cidade ser muito próxima da Rússia, um dos países mais afetados atualmente pelo novo coronavírus.

Além do lockdown, todos os habitantes da cidade (1,6 milhão) passarão por testes de Covid-19; além disso, está proibido sair do município e o transporte público foi suspenso.

De acordo com as últimas informações divulgadas pelo país a respeito do novo coronavírus em território chinês, a nação registra 97.015 mil casos desde o início da pandemia.