Notícias » Estados Unidos

Após renúncia, Nova York será governada por uma mulher pela primeira vez

Kathy Hochul irá assumir o posto de governadora no lugar de Andrew Cuomo, que teve o nome envolvido em um escândalo sexual

Penélope Coelho Publicado em 11/08/2021, às 07h23

Kathy Hochul
Kathy Hochul - Getty Images

De acordo com informações da agência de notícias Reuters, publicadas pelo portal de notícias UOL na noite da última terça-feira, 10, pela primeira vez uma mulher irá governar o Estado norte-americano de Nova York.

Após o escândalo de assédio sexual envolvendo o então governador Andrew Cuomo, o político optou por renunciar ao cargo. Sendo assim, sua vice Kathy Hochul, 62, irá assumir o posto. Segundo revelado na reportagem, isso deve acontecer dentro de duas semanas.

Kathy iniciou sua carreira na política como integrante de um conselho municipal na pequena cidade de Hamburg. Desde então, seu desempenho chamou a atenção de grandes nomes.

Em 2014 assumiu o cargo de vice-governadora de Nova York — contudo, durante esses anos foi vista poucas vezes ao lado de Cuomo. Hoje em dia, após a polêmica envolvendo o então governador, essa distância é vista com bons olhos.

Hochul usou seu Twitter para comentar a decisão de Andrew e também aproveitou para falar sobre suas intenções no novo cargo:

"Eu concordo com a decisão do governador Cuomo de renunciar. É a coisa certa a se fazer e no melhor interesse dos nova-iorquinos [...] Como alguém que já serviu em todos os níveis do governo e é a próxima na linha de sucessão, estou preparada para liderar como a 57ª governadora do Estado de Nova York”, escreveu.