Notícias » Bélgica

Após ser atacado por panda gigante, funcionário de zoológico sobrevive ao incidente na Bélgica

De acordo com mídia local, o homem ficou gravemente ferido

Penélope Coelho Publicado em 31/03/2021, às 09h36

Imagem ilustrativa de um panda
Imagem ilustrativa de um panda - Divulgação/Pixabay

De acordo com informações publicadas pelo portal de notícias UOL, na última terça-feira, 30, um panda gigante de aproximadamente cinco anos, se tornou um dos assuntos mais comentados na Bélgica. Tudo aconteceu após o animal atacar um dos funcionários do zoológico Pairi Daiza, localizado no município de Brugelette.

Conforme explicado na reportagem, o homem envolvido no incidente ficou gravemente ferido, principalmente na região das pernas e braços, o cidadão foi internado e de acordo com os médicos não corre risco de morte. Contudo, o funcionário irá receber tratamento psicológico para superar o trauma, como revelou a publicação.

De acordo com informações do Daily Mail, repercutidas pelo portal Vogue, o urso — chamado de Tian Bao — teria escapado de seu cativeiro. Contudo, até o momento não se sabe ao certo o motivo do ataque.

Em comunicado oficial, o Pairi Daiza informou que essa é a primeira vez na história do zoológico que um incidente desse tipo acontece. Em nota, o estabelecimento revelou que os pandas são “animais solitários que não toleram a intrusão no seu território”.

O animal envolvido no ataque foi o primeiro panda gigante a nascer na Bélgica. De acordo com os protocolos do zoológico, após esses animais completarem dois anos, o contato entre eles e os humanos é estritamente proibido, para a segurança dos funcionários.