Notícias » São Paulo

Após tentativa de cozinhar com etanol, mulher e filho ficam gravemente feridos

A mãe teve 90% do corpo queimado, já a criança sofreu lesões em 18% de seu corpo

Penélope Coelho Publicado em 03/09/2021, às 11h35

Cozinha onde o acidente aconteceu
Cozinha onde o acidente aconteceu - Divulgação/G1

De acordo com informações divulgadas na última quinta-feira, 2, pelo portal de notícias G1, recentemente, o município de Osasco, localizado na Grande São Paulo, foi palco para um terrível acidente doméstico.

Segundo revelado na publicação, uma mulher e seu bebê de sete meses, sofreram queimaduras graves de segundo grau, após a mãe decidir cozinhar com etanol, ou seja, álcool combustível.

A decisão causou um acidente que deixou a mulher com 90% de seu corpo queimado. Segundo informações da Prefeitura de Osasco, ela se encontra intubada no pronto-socorro do Hospital Geral Vila Penteado, na Zona Norte.

Ainda segundo a prefeitura do município, a criança de sete meses teve 18% do corpo atingido com queimaduras, sofrendo lesões no lado esquerdo de seu rosto, braço e perna; o bebê foi enviado para o Hospital Antônio Giglio.

Um recente levantamento realizado pela Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) relata um aumento significativo no preço do gás de cozinha, em algumas regiões do país, os botijões estão sendo vendidos por mais de R$ 100. Com isso, muitos procuram alternativas extremamente perigosas para cozinhar.