Notícias » Reino Unido

Aranha tida como extinta no Reino Unido é encontrada novamente depois de quase 30 anos

Responsável pela descoberta classificou a espécie como ‘linda’

Isabela Barreiros Publicado em 02/11/2020, às 10h44

A grande raposa-aranha
A grande raposa-aranha - Divulgação - Mike Waite/Surrey Wildlife Trust

Depois de ficar 27 anos sem ser vista, a grande raposa-aranha foi encontrada novamente por Mike Waite, do fundo de vida selvagem Surrey Wildlife Trust, em um local de treinamento do Ministério da Defesa em Surrey, no sudeste da Inglaterra.

A última vez que um espécime da aranha pôde ser observado foi em 1993, na reserva natural de Hankley Common, também em Surrey. Com cinco centímetros de largura, oito olhos pretos e uma agilidade impressionante, o animal foi considerado como extinto no país, até a recente descoberta.

“Assim que minha tocha caiu sobre ela, eu soube o que era. Eu estava exultante. Com o coronavírus, houve muitos altos e baixos este ano, e eu também fiz 60 anos, então foi uma boa comemoração disso. É uma aranha linda, se você gosta desse tipo de coisa”, afirmou Waite.

“Isso me faz pensar o quão duro nós procuramos em nossas costas? Temos procurado bastante?”, questionou o especialista. “Parece ser a coisa mais importante que fiz em uma longa carreira. Isso me inspirou a fazer algo e descobrir o máximo que puder sobre essa espécie no Reino Unido”.

Para o apresentador de TV e presidente da British Arachnological Society, Nick Baker, essa é a “a coisa mais emocionante que já aconteceu nos círculos de vida selvagem em algum tempo”. Para ele, “é tão bonito quanto uma aranha fica, é grande e agora é oficialmente um membro da fauna britânica novamente.”