Notícias » Europa

Arqueólogos descobrem objetos de 6 mil anos da Era Neolítica na Eslováquia

Entre eles estavam diversas cerâmicas e pedras esculpidas foram localizadas

Wallacy Ferrari Publicado em 23/03/2020, às 10h51

Um dos resquícios de cerâmica pintada encontrada na escavação
Um dos resquícios de cerâmica pintada encontrada na escavação - Divulgação / KPÚ Trnava

Arqueólogos descobriram diversos artefatos de cerâmica decorada, ferramentas feitas de chifres e fragmentos de instrumentos feitos com pedras no assentamento Zelený Kríček, em Trnava, na Eslováquia. De acordo com as análises feitas pela equipe arqueológica, os objetos tem mais de 6 mil anos.

Os achados fazem parte de um assentamento ainda maior descoberto há quatro anos pela equipe de pesquisadores eslovacos, localizada próxima ao muro de fortificação da cidade, e remetem a Era Neolítica, especificamente com características à era da cultura Lengyel, com valas e casas pequenas semelhantes as encontradas na Morávia.

Inforgráfico usado para analisar a proporção de alguns dos objetos encontrados / Créditos: KPÚ Trnava

 

O arqueólogo Andrej Žitňan disse ao TASR que a descoberta de um assentamento neolítico tão vasto foi uma surpresa, pois já havia construções em todas as terras vizinhas. “Fragmentos de cerâmica encontrados sob o muro de fortificação têm belas decorações. Eles provam a habilidade da cultura Lengyel ”, acrescentou Žitňan.

Peter Grznár, membro do Conselho Regional de Monumentos de Trnava, afirma que a existência dos objetos com as mudanças e incidentes anteriores ocorridos na região “é uma questão de sorte, pois foi preservada entre a muralha e a vala da cidade”. O objetos analisados foram recolhidos para uma análise digital e, se possível, para uma reconstrução virtual