Notícias » Arqueologia

Arqueólogos encontram raros fornos de cerâmica de 6 mil anos na China

Descobertas na cidade de Lingbao, as 31 peças representam o avanço tecnológico no período neolítico

Pamela Malva Publicado em 25/05/2020, às 12h00 - Atualizado às 12h27

Dois dos fornos de cerâmica encontrados na China
Dois dos fornos de cerâmica encontrados na China - Divulgação

Arqueólogos chineses encontraram um total de 31 fornos de cerâmica neolítica da cultura Yangshao. As escavações foram feitas nas ruínas de Chengyan, na cidade de Lingbao, localizada no centro da província de Henã.

Segundo os especialistas, os fornos datam de 5 a 7 mil anos atrás. A maioria deles apresenta uma cerâmica de tom avermelhado, enquanto outros, em menor quantidade, têm tinturas marrons e cinza.

Dois dos fornos de cerâmica encontrados / Crédito: Divulgação

 

Segundo Wei Xingtao, vice-chefe do instituto de relíquias culturais e arqueologia de Henã, um dos 31 fornos representa a tecnologia mais avançada da época. Com uma câmara vertical, ele tem 11 queimadores redondos na parte inferior.

"Com uma estrutura intacta, incluindo a abertura, a fornalha e a grelha, o forno foi considerado um dos mais bem preservados dos estágios iniciais da cultura Yangshao", disse Wei. Para os arqueólgos, esse é um dos fornos mais eficientes da época na China.