Notícias » Arqueologia

Assentamento mais antigo do mundo pode estar sendo descoberto na Turquia

Segundo os especialistas realizando escavações iniciais em um sítio arqueológico turco, o local pode acabar tirando o título de assentamento mais antigo de um templo em uma região próxima

Ingredi Brunato Publicado em 28/11/2020, às 10h00

Fotografia de assentamento sendo escavado
Fotografia de assentamento sendo escavado - Divulgação

Escavações no sítio arqueológico de Karahan Tepe, que está localizado no sudeste da Turquia e foi descoberto em 1997, teriam revelado um novo assentamento que poderia ser o mais antigo do mundo. Até então, o título pertencia a outro templo também da Turquia, chamado de Gobekli Tepe. 

Quem divulgou as informações foi o site Daily Sabah, que cobre as notícias do país. Segundo o veículo, as descobertas se constituem de 250 obeliscos (pilares de pedra alongados com ponta afunilada) com figuras de animais selvagens gravadas neles, o que também é semelhante a estruturas encontradas no outro templo ancestral. 

“Gobekli Tepe tem uma história de 12.000 anos. O nosso novo assentamento em Karahan Tepe será mais antigo. Provavelmente teremos um nova descoberta que vai causar uma impressão esmagadora no mundo”, afirmou Mehmet Nuri Ersoy, Ministro da Cultura e do Turismo da Turquia em um Congresso Internacional na última quinta-feira, 26. 

Fotografia da escavação do alto / Crédito: Divulgação 

 

O país euro-asiático não só autorizou a pesquisa arqueológica na região promissora, mas também financiou o programa de escavação intensiva que ocorre lá. Ersoy adiantou ainda que, depois disso, as equipes de arqueólogos irão se dedicar à exploração de um outro assentamento turco que data do período do Neolítico.

Sobre arqueologia

Descobertas arqueológicas milenares sempre impressionam, pois, além de revelar objetos inestimáveis, elas também, de certa forma, nos ensinam sobre como tal sociedade estudada se desenvolveu e se consolidou ao longo da história. 

Sem dúvida nenhuma, uma das que mais chamam a atenção ainda hoje é a dos egípcios antigos. Permeados por crendices em supostas maldições e pela completa admiração em grandes figuras como Cleópatra e Tutancâmon, o Egito gera curiosidade por ser berço de uma das civilizações que foram uma das bases da história humana e, principalmente, pelos diversos achados de pesquisadores e arqueólogos nas últimas décadas.