Notícias » Entretenimento

Assistente de direção que deu arma a Baldwin se pronuncia: ‘Em choque e triste'

David Halls enviou nota a jornal para falar sobre o caso depois de disparo que matou Halyna Hutchins

Isabela Barreiros Publicado em 02/11/2021, às 08h52

Equipe de produção do filme 'Rust' no set de filmagens
Equipe de produção do filme 'Rust' no set de filmagens - Divulgação/Instagram/@halynahuthins

O assistente de direção do filme “Rust”, David Halls, se pronunciou sobre o caso da arma cujo disparo acidental feito por Alec Baldwin matou a diretora de fotografia Halyna Huthins durante o set de filmagens da produção.

Halls foi responsável por entregar a arma ao ator antes do acidente e, durante o interrogatório feito pelas autoridades na investigação do caso, admitiu que não havia a checado integralmente.

Para finalmente falar sobre o incidente, ele enviou um comunicado ao jornal New York Post em que afirmava estar "em choque e triste" com o que havia acontecido. Halls também expressou "comoção e tristeza" pela morte de Huthins.

"Halyna Hutchins não era apenas uma das pessoas mais talentosas com quem já trabalhei, mas também uma amiga", escreveu. "Espero que essa tragédia leve a indústria a reavaliar seus valores e práticas, para garantir que ninguém seja ferido durante o processo criativo".

O assistente de direção, que, junto a Hannah Gutierrez-Reed, era responsável por conferir as armas no set e dizer quando elas estavam carregadas ou não, não mencionou sua responsabilidade no disparo acidental, embora ele deveria ter sido responsável por confirmar se as balas eram falsas, o que não foi feito.

"Meus sentimentos estão com todos que conheciam e amavam Halyna”, concluiu ele na nota, acrescentando que recebeu muito “amor e apoio” após a tragédia.