Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Afeganistão

Atriz pornô afegã afirma que o pai contratou homem para matá-la

A afegã Yasmeena Ali, de 28 anos, revelou o ocorrido ao New York Post

Redação Publicado em 03/02/2022, às 13h45

Yasmeena Ali - Divulgação / Instagram
Yasmeena Ali - Divulgação / Instagram

Uma atriz pornô afegã revelou, durante entrevista ao New York Post, que seu próprio pai contratou um assassino profissional para tirar sua vida. Yasmeena Ali fugiu de casa aos 19 anos de idade, depois que seus pais tentaram obrigá-la a se casar. Não demorou muito até que ela entrasse para a indústria pornográfica.

No ano de em 2020, o pai e um dos primos da mulher foram presos no Reino Unido, depois que uma investigação concluiu que os mesmos haviam pagado US$ 70 mil (cerca de R$ 368,2 mil, na cotação atual) a um homem para que matassem a afegã. Desde o ocorrido, Yasmeena cortou por completo o contato com seus familiares.

"Não tenho nenhum contato [com a minha família] e eles nunca me disseram o que pensam sobre a minha carreira. Os meus pais sempre me instigaram medo — por meio de Deus, do inferno ou de castigos. O meu pai me ameaçava de morte por ofender o Islã, a cultura afegã e a honra da família", declarou Ali ao jornal.

De acordo com o portal de notícias, a atriz revelou ao Daily Mail que, depois que fugiu de casa, decidiu abandonar o Islã, tornando-se ateia. Em seguida, focou em seu novo trabalho na indústria de filmes adultos

"Eu fugi porque eles queriam que eu me casasse contra a minha vontade. Não houve discussão sobre o que eu penso. Não há diálogo, é apenas obediência cega", afirmou Yasmeena, que hoje tem 28 anos.