Notícias » Personagem

Atual ministro da Defesa do Reino Unido responsabiliza Trump pelo caos no Afeganistão

Declaração foi dada por Ben Wallace durante entrevista à BBC

Redação Publicado em 16/08/2021, às 19h02

Trump durante aparição pública
Trump durante aparição pública - Getty Images

Diante do caos instaurado no Afeganistão após o grupo extremista Talibã retomar o poder, líderes ao redor do país não deixaram de lamentar o atual episódio. 

A tomada de poder foi marcada de fato no último domingo, 15, quando o controle do palácio presidencial localizado em Cabul foi assumido pelo grupo, após da fuga do ex-presidente,  Ashraf Ghani. 

O episódio se dá principalmente pela retirada das tropas dos EUA que estavam no país. Como consequência, Ben Wallace, atual ministro da Defesa do Reino Unido, relembrou que foi durante o mandato de Donald Trump, ex-presidente dos EUA, que Washigton projetou um acordo de paz, assim visando a retirada das tropas norte-americanas depois de 20 anos de missão no país.

"A sorte foi lançada quando Donald Trump fechou esse acordo", explicou Ben Wallace, durante entrevista à rádio BBC e repercutido pela AFP.

Assim, ele contextualiza que Joe Biden acabou por 'herdar' o caótico episódio. "Biden herdou um impulso, o impulso que foi dado ao Talibã porque eles acreditaram que haviam vencido (a guerra)", disse Ben. 

Ainda durante a conversa, o ministro da Defesa enfatiza que o acordo de paz foi executado às pressas'. 

"As sementes do que está acontecendo agora foram plantadas antes de Biden assumir o cargo. As sementes foram um acordo de paz que foi executado às pressas, não feito em colaboração com a comunidade internacional", explica ele.

Trump culpa Biden

Vale lembrar que em comunicado divulgado no último domingo, 15, o ex-apresentador do programa 'Aprendiz', citou a atual situação do Afeganistão como motivo para pedir a renúncia de Joe Biden. 

"É hora do desacreditado Joe Biden renunciar por permitir o que aconteceu no Afeganistão, mas também pelo aumento vertiginoso da covid, o desastre na fronteira, a supressão de nossa independência energética e a paralisia de nossa economia", disse o marido de Melania Trump.

Já em outra declaração, Trump debochou da gestão Biden diante da atual situação: "O que Joe Biden fez com o Afeganistão é mítico. Será uma das maiores derrotas da história americana", disse ele.