Notícias » Estados Unidos

Autópsia revela que George Floyd estava infectado com Covid-19

Apesar do laudo, a causa oficial da morte de Floyd foi uma parada cardiopulmonar diante da abordam agressiva

Paola Churchill Publicado em 04/06/2020, às 12h10

Foto de George Floyd
Foto de George Floyd - Divulgação

A autópsia realizada no cadáver de George Floyd, homem negro morto por um policial em Minneapolis, nos Estados Unidos, revelou que ele estava infectado com o novo coronavírus. Contudo, a Covid-19 não foi listado como fator determinante de sua morte.

A causa oficial foi divulgada na última quarta-feira, 4, e revelou uma parada cardiopulmonar enquanto o homem fora imobilizado pelo policial Derek Chauvin de maneira extremamente desumana. Os legistas confirmaram que a morte de George foi homicídio.

Os quatro policiais envolvidos na morte de Floyd foram demitidos e detidos. Além de serem acusados criminalmente. Derek Chauvin, o homem que aparece no vídeo empurrando o joelho no pescoço do ex-segurança, está preso em uma cadeia de segurança máxima e vai ser acusado de assassinato.

A morte de Floyd pela violência policial foi o estopim para uma série de protestos ao redor dos EUA. Milhares de cidadãos clamando por justiça tomaram as ruas em plena pandemia.