Notícias » Bizarro

Autor apresenta bizarra coleção de presentes dados por serial killers

Phil Chalmers possui vasta coleção de itens que adquiriu por trocas de mensagens com os assassinos

Caio Tortamano Publicado em 16/09/2020, às 14h00

Autor Phil Chalmers, dono da coleção
Autor Phil Chalmers, dono da coleção - Divulgação/ Youtube

Phil Chalmers é apresentador de um podcast chamado Where the Bodies are Buried (Onde os Corpos são Enterrados, em tradução livre), e ocupou seus últimos 30 anos entrevistando, conversando e trocando cartas com uma seleta lista de serial killers, que renderam a ele inúmeros presentes.

Em entrevista ao site Daily Mail, Chalmers — escritor de livros sobre o tema — conta que, dentro da sua coleção, existem com itens como um cheque assinado e enviado por Charles Manson, um desenho feito por Dennis Rader — conhecido como BTK —, além de um violino feito a partir de palitos de pirulito montados por William Clyde Gibson, que foi preso depois de matar três mulheres e enterrar uma no próprio quintal.

Cheque assinado por Charles Manson / Crédito: Divulgação

 

De acordo com o próprio Phil, o seu trabalho tem como objetivo solucionar casos que já foram arquivados, além de localizar cadáveres e oferecer algum conforto para a família das vítimas: “Não sou fã de crimes verdadeiros. Eu converso com muitas vítimas e suas famílias. Eu vejo a dor que esses crimes trazem. Eu falo pelos mortos.”.

O trabalho aparentemente dá certo, pois muitas vezes as famílias se mostram gratas pelos esforços do escritor. Além disso, Chalmers afirma não ter interesse em vender nenhum dos objetos (que fazem parte de sua coleção privada), já que são mais itens de pesquisa para suas obras do que souvenirs.