Notícias » Família Real Britânica

Belize não quer mais Elizabeth II como ‘chefe de Estado’

As autoridades do país estão visando pelo ‘processo de descolonização’ após a visita do príncipe William e da duquesa Kate Middleton

Redação Publicado em 29/03/2022, às 09h53

A rainha Elizabeth II
A rainha Elizabeth II - Getty Images

Autoridades de Belize afirmaram a intenção de remover a rainha Elizabeth II do cargo de chefe de Estado e se tornar república com a criação de uma Comissão Constitucional a fim de passar por um “processo de descolonização”.

A decisão ocorre após a visita do príncipe William e a duquesa Kate Middleton ao país, em meio ao fim da turnê do Jubileu de Diamante do reinado de Elizabeth II, que completou 70 anos no trono em 2022. Os dois vêm enfrentando protestos durante a viagem.

Segundo o jornal britânico The Independent, o primeiro-ministro belizenho Johnny Briceno foi responsável por anunciar a criação da comissão, que deve ser seguida por uma série de estudos e análises sobre os melhores meios para essa transição.

O político Henry Charles Usher, que está dando andamento à reforma constitucional em curso no Belize, abordou a questão durante uma sessão recente no congresso do país caribenho.

“Talvez seja a hora de Belize dar o passo seguinte em busca de sua verdadeira independência. É uma questão que o povo de Belize deve decidir”, afirmou.

Ainda segundo a publicação, a família real britânica não se posicionou publicamente, por meio de seus assessores, sobre o “processo de descolonização” que deve ser iniciado pela nação em breve. A realeza também não comentou sobre os protestos no Caribe.