Notícias » Política

Biden comenta afirmação de Putin sobre relações entre EUA e Rússia estarem em "um ponto baixo"

"Temos um relacionamento bilateral que se deteriorou ao seu ponto mais baixo nos últimos anos", disse Putin ao canal NBC News, na última sexta-feira, 11

Giovanna Gomes, sob supervisão de Thiago Lincolins Publicado em 14/06/2021, às 10h23

Joe Biden (à esquerda) e Vladimir Putin (à direita)
Joe Biden (à esquerda) e Vladimir Putin (à direita) - Getty Images

Conforme informações da CNN, no último domingo, 13, o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, declarou que concorda com a declaração do líder russo, Vladimir Putin, de que as relações entre os dois países estariam em um "ponto baixo".

"Acho que ele está certo, é um ponto baixo. E isso depende de como ele vai reagir com as normas internacionais - o que, em muitos casos, ele não fez", disse o americano durante coletiva realizada em Cornualha.

O comentário se refere a uma afirmação realizada por Putin em entrevista ao canal NBC News, transmitida na noite de sexta-feira.

Na ocasião, o presidente russo disse: "Temos um relacionamento bilateral que se deteriorou ao seu ponto mais baixo nos últimos anos". 

Pouco antes, o porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, já havia dito à CNN que Putin queria se encontrar com o democrata em razão das relações conturbadas entre seus países. Segundo Joe Biden, no entanto, os EUA "não estão procurando conflito". 

"Estamos procurando resolver aquelas ações que consideramos inconsistentes com as normas internacionais. Onde pudermos trabalhar juntos, podemos fazer isso em termos de alguma doutrina estratégica que pode ser trabalhada em conjunto. Estamos prontos para fazê-lo. Pode haver outras áreas. Fala-se até de que podemos trabalharmos juntos no clima”, disse Biden.