Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Estados Unidos

Biden pede que estadunidenses que vivem na Ucrânia deixem país

“As coisas podem enlouquecer rapidamente”, disse o presidente sobre o conflito entre a Rússia e a Ucrânia

Penélope Coelho Publicado em 11/02/2022, às 08h30

Joe Biden, presidente dos EUA - Getty Images
Joe Biden, presidente dos EUA - Getty Images

Em entrevista realizada na última quinta-feira, 10, o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, realizou um apelo para os cidadãos norte-americanos que estão atualmente na Ucrânia.

Na ocasião, o democrata falou ao jornalista Lester Holt, da NBC, que os estadunidenses devem sair da Ucrânia com urgência, em meio às tensões do país com a Rússia, que acontece principalmente em decorrência da possibilidade de que a Ucrânia entre para a Otan, aliança defensiva comandada pelos EUA:

"Os cidadãos americanos devem sair agora. Não é como se estivéssemos lidando com uma organização terrorista. Estamos lidando com um dos maiores exércitos do mundo. É uma situação muito diferente e as coisas podem enlouquecer rapidamente”, afirmou.

De acordo com informações publicadas pelo portal de notícias g1, o Departamento de Estado dos EUA também alertou os norte-americanos que estão atualmente na Ucrânia, através de um comunicado. A orientação é a mesma: que eles saiam de solo ucraniano, já que em caso de ação militar russa, os guardas norte-americanos não “poderão evacuar os cidadãos”.

Apesar da preocupação, Biden afirmou que acredita que o presidente da Rússia, Vladmir Putin, não colocaria os estadunidenses em risco.