Notícias » Mundo

Bitcoin agora é moeda oficial em segundo país em menos de um ano

O criptoativo foi anunciado como nova moeda oficial para uso dos habitantes, veja qual o país

Alan de Oliveira | @baco.deoli Publicado em 03/05/2022, às 10h12

Foto de moeda Bitcoin
Foto de moeda Bitcoin - Getty Images

Ainda em 2021, El Salvador fez história ao se tornar a primeira nação do mundo a ter o bitcoin como moeda oficial. Agora, após a abertura de uma votação para os legisladores da nação e na segunda-feira, 2, por unanimidade, a República Centro-Africana tornou-se o segundo país do mundo e o primeiro do continente africano a realizar o mesmo feito.

Em informações apuradas pela emissora "CBNC", o comunicado oficial feito pela presidência, as criptomoedas começam a ser legalizadas no país, sendo o bitcoin oficializada assim como o tradicional Franco CFA Regional da África Central.

Rico em minérios, como diamante, ouro e prata, o país é considerado um dos mais pobres e sem desenvolvimento em todo o planeta.

De acordo com dados do Banco Mundial, 71% dos habitantes vivem abaixo da linha da pobreza e apenas 11% têm acesso à internet, afirma a apuração do portal “FDR”.

A decisão foi bastante elogiada pela comunidade de economias no geral, ainda mais pela de criptomoedas, que enxergam um passo de modernidade à frente de países com maiores economias. 

Críticas embasadas também são feitas

Por outro lado, na mesma reportagem da "CBNC," é visto que diversas pessoas e acadêmicos de economia de El Salvador não gostaram da medida, uma vez que o Fundo Monetário Internacional (FMI), declarou que seria melhor abandonar os criptos, devido sua instabilidade em valor, prejudicando o consumidor devido a volatilidade das moedas.