Notícias » Europa

Bolsa de Moscou continua fechada pelo terceiro dia seguido

Algumas das operações permanecerão restritas até o próximo sábado, 5

Paola Orlovas, sob supervisão de Thiago Lincolins Publicado em 02/03/2022, às 13h27

Fachada da Bolsa de Valores de Moscou
Fachada da Bolsa de Valores de Moscou - Wikimedia Commons

Acumulando três sessões de suspensão, a Bolsa de Moscou continuou fechada durante esta quarta-feira, 2. A instituição fechou na última segunda-feira, 28, e, de acordo com a AFP, algumas das operações permanecerão restritas até o próximo sábado, 5.

Agora, a Rússia tenta limitar o impacto de sanções que está recebendo de países ocidentais pelos ataques à Ucrânia por meio de diversas medidas, entre elas o fechamento da Bolsa, com exceção das operações de compra de rublos.

Dmitri Peskov, que ocupa o cargo de porta-voz do Kremlin, se manifestou, dizendo que "A economia russa sofreu um duro golpe", e acrescentando que há uma "margem de resistência" e planos. 

O Banco Central russo anunciou nesta quarta-feira, 2, novas medidas, buscando fazer com que fundos de investimentos estrangeiros não se retirem do país. Enquanto isso, com as sanções da Europa, o Sberbank, o maior banco da Rússia, saiu do mercado europeu.