Notícias » Brasil

Bolsonaro ataca Lula: ‘Alguns trabalhadores querem voltar ao que viviam’

O presidente afirmou ainda que ‘Deus nos salvou do socialismo’ em conversa com apoiadores no Palácio da Alvorada

Redação Publicado em 18/01/2022, às 10h36

Jair Bolsonaro, presidente do Brasil
Jair Bolsonaro, presidente do Brasil - Getty Images

Enquanto voltava para o Palácio da Alvorada na tarde da última segunda-feira, 17, o presidenteJair Bolsonaro falou com apoiadores que estavam no cercadinho do local e aproveitou a situação para criticar o governo do ex-presidenteLula.

Além de criticar o político, o mandatário exaltou o próprio mandato e afirmou que seu governo conseguiu “salvar” o Brasil, o qual recebeu com sérios problemas advindos das gerências petistas.

“Deus nos salvou do socialismo. Agora, garotada que em grande parte apoia [Lula], não sabe o que foi esse governo aí”, afirmou Bolsonaro.

“Eu peguei o Brasil com sérios problemas éticos, morais e econômicos. E querem voltar ao que era antes?”, disse. “[Com] mais dois anos de PT, se não tivesse o impeachment [em 2016], eu acho que não teria mais retorno”.

Como reportou a Carta Capital, o presidente também alegou que, apesar do que considera erros de Lula durante a presidência, “alguns trabalhadores querem voltar ao que viviam antigamente”.

Na conversa com os militantes no cercadinho, ainda falou sobre as críticas feitas a ele por não ter participado de debates antes do segundo turno das eleições de 2018, relembrando o atentado sofrido em setembro daquele ano.

“O pessoal fala: ‘Ah, vai fugir do debate’. Eu estava com uma facada na barriga. Não adianta o cara falar besteira pra mim. O cara pergunta abóbora, eu respondo abacaxi”, destacou Bolsonaro.