Notícias » Guerra

Bomba da Segunda Guerra Mundial é detonada pela marinha dos EUA

A bomba foi encontrada em uma praia na Carolina do Norte

Giovanna Gomes Publicado em 27/10/2020, às 13h44

A explosão levantou fumaça e destroços a 18 metros de altura
A explosão levantou fumaça e destroços a 18 metros de altura - NPS/Reprodução

No dia 23 de outubro, a unidade de Descarte de Artilharia Explosiva (EOD) dos EUA detonou uma bomba aérea de 100 libras da Segunda Guerra Mundial que ainda estava ativa. A equipe utilizou uma combinação de explosivos, sendo que o impacto levantou fumaça e destroços a 18 metros de altura.

A bomba foi encontrada na praia Cape Hatteras, em Buxton, por Michele Quidley ,uma moradora local que estava passeando com seu cachorro pela região quando o animal notou a presença do objeto na areia. De início, ela pensou que o material se tratava de um tronco, mas logo percebeu que estava diante de uma relíquia de guerra. 

'Eu estava preocupada em simplesmente deixá-la lá, porque há muitos visitantes na praia e eu não queria que crianças brincassem com isso, ou alguém acidentalmente pegasse e levasse para casa como um souvenir', disse ela ao The Island Free Press. Então Quidley contatou o Serviço Nacional de Parques e esperou a chegada das autoridades.

Por volta de 12:30, uma equipe da EOD vinda da Virgínia chegou ao local para detonar bomba. Foi necessário estabelecer um perímetro de 800 metros estabelecido no entorno por questões de segurança.

No entanto, não é a primeira vez que uma bomba aparece na costa. Várias outras foram encontradas no ano de 2017, incluindo uma em Hatteras. As autoridades não confirmaram se a bomba pertencia aos militares dos EUA ou aos alemães.