Notícias » Conflito

Bombardeios em Gaza durante a madrugada aumentam número de vítimas

O conflito atingiu um complexo residencial e a casa onde um dos líderes do Hamas vive

Redação Publicado em 13/05/2021, às 09h30

Nuvem de fumaça após ataque aéreo em Gaza no dia 12 de maio de 2021
Nuvem de fumaça após ataque aéreo em Gaza no dia 12 de maio de 2021 - Getty Images

Uma sequência de bombardeios foram identificados por volta da meia-noite (horário local) na fronteira sul de Israel direcionada para a Faixa de Gaza, tendo os danos notados ao longo da madrugada, conforme as quedas de projéteis ocorreram. De acordo com o portal UOL, os ataques já totalizam 83 mortes em Gaza e sete em Israel.

A confirmação dos ataques fez com que a aviação israelense contra-atacasse com disparos contra posições do Hamas no território palestino, bombardeando supostos locais onde ocorriam operações de contraespionagem, além de direcionar um dos bombardeios a residência de um dos comandantes do grupo islamita, identificado como Iyad Tayeb.

O mapeamento de vítimas aponta que cinco pessoas ficaram feridas durante os ataques desta madrugada de quinta-feira, 13, após uma explosão em um complexo residencial no município de Petaj Tikva, próximo de Tel Aviv.

As autoridades israelenses acrescentam que, desde o início da semana, outras sete mortes em decorrência de ataques foram confirmadas, sendo uma das vítimas fatais um garoto de seis anos.

Do outro lado, o ministério da Saúde da Faixa de Gaza totaliza 83 mortes até a manhã de hoje, sendo 17 delas de menores de idade, estimando pelo menos 487 feridos com os bombardeios.