Notícias » Estados Unidos

Boneco de neve derrete e vira 'boneco de verão' em colégio nos Estados Unidos

Sua água serviu para regar o jardim dos alunos na Flórida em uma curiosa aventura

Wallacy Ferrari Publicado em 02/05/2022, às 14h05

O antes e depois do boneco de neve
O antes e depois do boneco de neve - Divulgação / Robin Hughes

Um curioso boneco de neve elaborado nos Estados Unidos chamou atenção ao conseguir estender seu tempo de vida diante da imaginação de crianças de um colégio; durante o inverno do início o ano, Robin Hughes, uma professora do Kentucky, teve de se mudar para o estado litorâneo da Flórida, onde raramente neva.

Por outro lado, a irmã da educadora continuou na cidade e recebeu um chamado para auxiliá-la em uma aula. Visando mostrar o material para alunos que nunca tiveram contato com a neve, ela pediu para que a parente construísse um boneco de neve com cerca de 50 centímetros de altura e o enviasse em um ambiente refrigerado através dos correios durante a noite para o colégio onde a irmã trabalhava.

Pela manhã, ela mostrou o boneco aos alunos, o mantendo no refrigerador da escola por dias. Contudo, para desocupar o espaço no eletrodoméstico, ela promoveu uma data para derreter o boneco, estimando que fosse feito no Dia da Terra.

Nova vida

A água do amigo da classe não foi desperdiçada; ela foi usada para regar as plantas do jardim do colégio, incluindo a de um arbusto, que cresceu suficientemente para assumir o nariz de cenoura e as pedrinhas que ficavam nos olhos do boneco, sendo podado e transformado em um “boneco de verão”, ganhando vida nova aos olhos dos pequenos.

"Foi muito, muito doce. [Para eles] eu disse, 'Bem, ele não é mais um boneco de neve. Mas veja, ele é uma linda flor'", acrescentou a educadora à revista People, que revelou o caso fofo nacionalmente.