Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Astronomia

Brasileira que descobriu asteroide viaja nesta terça para os Estados Unidos

A jovem Laysa Peixoto poderá ser a primeira mulher brasileira a ir ao espaço

Redação Publicado em 24/05/2022, às 09h35

Asteroide descoberto por Laysa e a jovem mineira em fotografia - Divulgação / Arquivo pessoal
Asteroide descoberto por Laysa e a jovem mineira em fotografia - Divulgação / Arquivo pessoal

Laysa Peixoto Sena Lage, jovem mineira que descobriu um asteroide em agosto do ano passado, embarca na tarde de hoje para os Estados Unidos. Ela, que tem 18 anos, realizará treinamento na NASA e poderá ser a primeira mulher brasileira a ir para o espaço. 

"Estou muito animada e cheia de expectativas para realizar um sonho", disse Laysa, que deverá passar alguns dias na casa de uma tia, em Nova York, antes de dar início ao curso. Este ocorrerá no estado do Alabama, a partir do dia 29, e terá duração de um mês.

Selecionada para treinamento

De acordo com o portal de notícias g1, em 2020, a jovem levou medalha de prata na 23ª Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica e bronze na Competição Internacional de Astronomia e Astrofísica. Tais conquistas, somadas à descoberta do asteroide, foram fundamentais para a seleção da mineira para o treinamento da NASA.

"Serei tripulante da Expedição 36 do curso Advanced Space Academy da NASA, em que serei treinada como astronauta. Esse é um grande passo na minha jornada até me tornar a primeira mulher brasileira a ir ao espaço, que é meu maior objetivo", declarou.