Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Mundo

Brasileiro é encontrado morto em Portugal com sinais de enforcamento

Polícia local corre contra o tempo para tentar descobrir como crime aconteceu

Alan de Oliveira | @baco.deoli | sob supervisão de Wallacy Ferrari Publicado em 21/05/2022, às 10h11

Foto de Douglas Gonçalves de Almeida - Reprodução / Redes sociais
Foto de Douglas Gonçalves de Almeida - Reprodução / Redes sociais

Douglas Gonçalves de Almeida, mineiro de 36 anos, ficou desaparecido por mais de uma semana antes de ser oficialmente dado como morto. O corpo foi encontrado na beira de uma estrada próxima de um ponto turístico português, Cabo da Roca, em Sintra, na sexta-feira, 20.

A imprensa local diz que não havia nenhuma demonstração de violência bruta, porém, chamou a atenção de todos o fato de seu pescoço estar enrolado com diversas abraçadeiras de plástico.

A família relata que o rapaz estava indo encontrar com sua esposa para irem fazer compras mensais, na segunda-feira, 9, quando ele despareceu. Após diversas tentativas de ligações das irmãs — preocupadas pela esposa dele estar perto de dar à luz — tiveram a iniciativa de ligar para a polícia.

Desejo de uma despedida digna

Após descobrirem a fatalidade, criou-se uma campanha de arrecadação de fundo on-line, para trazer o corpo de Douglas para o Brasil, visando fazer o seu enterro, conforme a apuração do portal de notícias "UOL".

"Com fé em Deus, vamos conseguir fazer uma despedida digna ao meu irmão junto da família e amigos", disse uma das a irmãs, Daniela.