Busca
Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaYoutube Aventuras na HistóriaTiktok Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Crocodilo

Britânica que lutou com crocodilo para salvar irmã receberá medalha do rei Charles

Incidente se deu durante viagem da dupla ao sul do México, depois de guia turístico afirmar que lagoa era segura para banho

por Giovanna Gomes

ggomes@caras.com.br

Publicado em 14/05/2024, às 14h45

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Imagem ilustrativa - Imagem de Pexels por Pixabay
Imagem ilustrativa - Imagem de Pexels por Pixabay

O rei Charles III entregará uma medalha de coragem — a primeira desde que o monarca assumiu o trono — à britânica que salvou a vida da irmã gêmea durante um ataque de crocodilo na lagoa Manialtepec, no sul do México.

Era junho de 2021 quando Georgia e Melissa, então com 28 anos de idade, receberam a informação errônea, vinda de um guia turístico, de que era seguro nadar na lagoa em questão. No entanto, não demorou muito para que Melissa fosse atacada por um crocodilo

Sem pensar duas vezes, Georgia, pulou na água para defender a irmã, que já se encontrava inconsciente. Ela lutou contra o réptil, dando socos com uma mão enquanto mantinha a cabeça da irmã acima da água com a outra.

Eu tive que lutar contra ele, comecei a bater. Ele era duro como uma rocha, como se eu estivesse socando uma parede", declarou Georgia ao portal Daily Mail.

Resgate

No fim, as irmãs foram resgatadas por um barco de salvamento. Melissa, que desenvolveu sepse devido aos ferimentos e foi colocada em coma induzido no hospital, sobreviveu com uma fratura no pulso, além de ferimentos graves no abdômen e muitos ferimentos na perna e no pé. Georgia também sofreu mordidas na mão.