Notícias » Entretenimento

Caetano Veloso comenta morte de Paulo Gustavo: "Poço de talento"

O músico lamentou o falecimento precoce do ator e enalteceu que "o povo deve revoltar-se contra os responsáveis"

Wallacy Ferrari, sob supervisão de Thiago Lincolins Publicado em 05/05/2021, às 13h02

Paulo Gustavo em fotografia com Caetano Veloso
Paulo Gustavo em fotografia com Caetano Veloso - Divulgação / Caetano Veloso via Instagram

Pouco após o anúncio da morte do humorista Paulo Gustavo na noite da última terça-feira, 4, o cantor Caetano Veloso publicou uma foto no Instagram em um momento íntimo com o ator, além de enaltecer o trabalho do artista na legenda da fotografia, o chamando de “expressão da alegria brasileira”.

Na foto, ambos aparecem abraçados em uma mesa de restaurante, acompanhados da neta do cantor, Rosa, de 15 anos.

O cantor acrescentou elogios, chamando Gustavo de “alegria que nos veio de fora em forma de fama” e comparou com o sucesso de sua geração de músicos com a contemporaneidade do comediante ao de adaptar as mídias.

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Caetano Veloso (@caetanoveloso)

 

“Nascido já depois da glória futebolística brasileira, do aumento de canções que falam de amores vitoriosos (da bossa nova a Roberto Carlos), do cinema que teve força crítica e, depois, domínio técnico e comunicação com o grande público — e da afirmação do alto nível de criação televisiva—, Paulo, esse poço de talento e gerador de prazer doado ao Brasil por Niterói, encarnou, em seu trabalho e em sua vida pessoal, essa alegria antes apenas mítica”.

Caetano também aproveitou o espaço para se posicionar em relação a conduta do governo federal em relação a crise sanitária causada pelo novo coronavírus — enfermidade que resultou na morte do homenageado: “É significativo que a notícia de que o perdemos chegue no dia em que se abre a CPI da Covid no Senado Nacional", concluiu.