Notícias » Brasil

Caetano Veloso sai em vídeo contra Bolsonaro: “o fascismo está mostrando suas garras”

De acordo com o artista, o atual governo promove uma guerra "contra os direitos humanos em geral"

André Nogueira Publicado em 28/01/2020, às 13h11

Caetano Veloso em vídeo em inglês
Caetano Veloso em vídeo em inglês - Divulgação/Youtube

“O Governo brasileiro não só empreendeu uma guerra contra as artes e os criadores, mas também contra a Amazônia e os direitos humanos em geral”. Essa foi a denúncia feita por Caetano Veloso em um vídeo em inglês de pouco mais de um minuto, divulgado em suas redes sociais, onde afirmou que o “fascismo está mostrando suas garras” no Brasil de Bolsonaro.

O vídeo aparece num momento de virada para o governo, em que os efeitos de melhoria, depois de atingir recordes de reprovação. Porém, para grupos minoritários, principalmente indígenas que denunciam seu projeto de violência, o país se tornou mais perigoso: “genocídio, etnocídio e ecocídio”.

Caetano Veloso / Crédito: Getty Images

 

Além disso, o governo tem atacado jornalistas, historiadores, professores e ativistas, tornando-os inimigos públicos. O caso do jornalista Glenn Greenwald, denunciado pelo Ministério Público por suposto envolvimento no hackeamento do atual Ministro da Justiça Sérgio Moro (processo conhecido como Vaza Jato) também assustou juristas e democratas brasileiros e do mundo, que viram o ato como um ataque às liberdades democráticas.

“Nunca achei que fosse ver semelhante retrocesso enquanto estivesse vivo”, lamentou Caetano, que foi obrigado a exilar-se durante o Regime Militar. Em continuação, o músico da Tropicália relembrou temas como censura, violência e luta contra a ditadura. Ele ainda recomenda o documentário brasileiro Democracia em Vertigem, que apoia a narrativa petista de um golpe ocorrido em 2016, e atualmente concorre ao Oscar.