Notícias » Mundo

Campanha pela libertação de Princesa Latifa chega ao fim após fotos inéditas

O misterioso caso da jovem, que estava desaparecida desde 2018, chegou a contar com o envolvimento da ONU

Ingredi Brunato, sob supervisão de Pamela Malva Publicado em 11/08/2021, às 18h00

Fotografia de Princesa Latifa durante viagem internacional
Fotografia de Princesa Latifa durante viagem internacional - Divulgação / Instagram/ Arquivo Pessoal

A campanha “Free Latifa”, que buscava libertar a princesa dos Emirados Árabes Unidos de uma possível situação de cativeiro desde 2018, foi finalizada na última terça-feira, 10, segundo infomrações divulgadas pela BBC e repercutidas pelo Terra. 

A decisão de encerrar o projeto veio dos próprios organizadores após a publicação de uma fotografia da filha do emir de Dubai durante uma viagem de férias na Islândia junto a um primo. Esse não é, porém, o primeiro registro a ser liberado nos últimos meses que mostram Latifa realizando um passeio. 

Além de viagens internacionais, foram divulgadas fotos da jovem em shoppings de seu país, além de outros pontos turísticos. Antes desses desdobramentos mais recentes, todavia, o paradeiro da princesa permaneceu um mistério por cerca de três anos. 

A campanha “Free Latifa” ganhou mais tração após a BBC publicar, em janeiro deste ano, um vídeo que mostrava a moça relatando que era uma prisioneira em um dos palácios de sua rica família.

Seu contexto incluiria ainda vigilância constante por parte de oficiais e falta de acesso à profissionais da área da saúde. "Não sei se vou sobreviver a esta situação", dizia ela na gravação. Foi nesse ponto que o caso passou a receber maior atenção, inclusive da ONU, que demandou do governo de Dubai o envio de provas de que a jovem estava viva. 

Ainda de acordo com o Terra, os advogados da princesa emitiram um comunicado afirmando que Latifa tem agora liberdade de ir e vir. O grupo que organizou a campanha, por sua vez, anunciou em nota o encerramento do projeto: 

"Depois de nos reunirmos, decidimos que o passo mais apropriado nesse momento é fechar a campanha Free Latifa. Nós claramente andamos muito até esse objetivo ser atingido e vamos continuar monitorando", escreveram eles.