Busca
Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaYoutube Aventuras na HistóriaTiktok Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Franz Kafka

Carta do escritor Franz Kafka endereçada a amigo, escrita em 1920, será leiloada

Na carta, Kafka contava ao seu amigo e editor Albert Ehrenstein a sua batalha contra o bloqueio criativo, durante tratamento de tuberculose; confira!

Franz Kafka e a carta - Domínio Público via Wikimedia Commons / Divulgação/Sotheby's
Franz Kafka e a carta - Domínio Público via Wikimedia Commons / Divulgação/Sotheby's

Um dos mais conhecidos escritores de língua alemã, considerado um dos mais influentes do século 20, Franz Kafka terá uma de suas raras cartas leiloadas neste mês de junho pela Sotheby's. Na mensagem, o escritor queixava-se da dificuldade de escrever algo, lidando com um bloqueio criativo, em paralelo à sua saúde que se deteriorava.

Segundo o The Guardian, a carta coincide com a época em que Kafka foi diagnosticado com tuberculose, sendo esta a doença que o matou eventualmente. Conforme o agravamento da condição, a sensação de paralisia mental e desamparo do escritor apenas aumentava.

Quando as preocupações penetram numa certa camada da existência, a escrita e as queixas obviamente param", escreveu Kafka na carta. "Minha resistência também não foi tão forte".

Pesquisadores acreditam que a carta tenha sido redigida entre abril e junho de 1920, quando ele era tratado em uma clínica em Merano, no norte da Itália. Seu bloqueio criativo o assombrou ao longo de sua vida, mas sua saúde debilitada apenas tornou tudo mais difícil.

Faz três anos que não escrevo nada, o que se publica agora são coisas antigas, não tenho outro trabalho, nem mesmo algo que comecei", escreveu o autor em outra parte da carta.

Carta rara

Segundo Gabriel Heaton, especialista em livros e manuscritos da Sotheby's de Londres, ao The Guardian, cartas de Kafka referenciando sua escrita são consideradas raras até hoje: "Isso é algo bastante escasso, além de ser uma carta com conteúdo significativo que realmente parece atrair você como pessoa e lhe dá uma noção do indivíduo".

Ter, de todos os escritores, Kafka falando conosco sobre o bloqueio criativo é particularmente comovente e significativo", conta Heaton. "Ele é quase como o laureado do bloqueio de escritor, como podemos ver em seus diários".

Vale mencionar que, embora a carta apresente um forte tom melancólico, foi também na época em que Kafka esteve em Merano que ele embarcou no que provavelmente foi o amor mais intenso de sua vida, com Milena Pollaková-Jesenská, uma jornalista tcheca. Ela teria sido fundamental para encorajá-lo a superar o bloqueio criativo, possibilitando a criação de suas obras finais, 'O Castelo' e 'Um Artista da Fome'.

Por fim, estima-se que a carta de Kafka atinja um valor de entre 70 mil e 90 mil libras esterlinas, durante o leilão. O atual proprietário é descrito pela Sotheby's como um importante colecionador privado europeu. A carta, vale pontuar, segue até mesmo no envelope do correio aéreo em que foi enviada.