Notícias » Crimes

Casal discutiu antes de morte de crianças no RJ, confirma Polícia

O atrito foi confirmado pelo avô dos garotos mortos, com 3 e 6 anos de idade

Redação Publicado em 13/01/2022, às 12h27

Imagem meramente ilustrativa
Imagem meramente ilustrativa - Pixabay / Sammy-Sander

A Polícia Civil do Rio de Janeiro liga os pontos do assassinato de dois garotos, com 3 e 6 anos de idade, por diversos golpes de faca em Guapimirim, na Baixada Fluminense; após prender preventivamente a mãe dos garotos, Stephani Ferreira Peixoto, o pai da suspeita prestou depoimento na tarde da última quarta-feira, 12.

De acordo com o avô das vítimas, houve uma ‘forte discussão’ entre a filha e o ex-marido durante a última sexta-feira, 7, chegando a ser chamado para a residência do casal no mesmo dia para apartar a situação.

Ele acrescentou que não presenciou nada e acompanhou o companheiro, identificado como Leonardo, para fora da casa.

As informações foram confirmadas pelo delegado titular da 67ª DP (Magé), Antônio Silvino, ao portal de notícias G1. A prisão da mãe foi concretizada na segunda-feira seguinte, 10, e acredita-se que o esfaqueamento das crianças tenha ocorrido horas depois da discussão do casal.

No dia seguinte a detenção, Stephani saiu do hospital de Guapimirim e conduzida ao Pronto Socorro Geral Hamilton Agostinho, no complexo penitenciário de Gericinó, em Bangu, na Zona Oeste do Rio.

Os policiais chegaram na cena do crime após denúncia anônima e encontraram os corpos no local, acompanhados de uma faca.