Notícias » Brasil

Caso Evandro: nova série sobre o crime que chocou o Brasil será lançada no Globoplay

A produção é baseada em um crime que segue sendo um mistério desde 1992

Giovanna Gomes Publicado em 16/11/2020, às 10h33 - Atualizado às 12h51

Evandro
Evandro - Divulgação

Desde 1992, ano em que um menino de seis anos de idade foi encontrado morto em Guaratuba, no Paraná, um grande mistério segue sem explicação. O crime conhecido como caso das Bruxas de Guaratuba, foi investigado pelo jornalista Ivan Mizanzuk, o qual produziu um podcast de mais de trinta episódios recentemente. Agora, dezoito anos após o crime, o caso vai virar uma série disponibilizada no Globoplay.

A história da morte de Evandro chocou o país pelo fato do menino ter sido encontrado com o corpo sem as vísceras, coração, couro cabeludo entre outros detalhes. Por esse motivo, na época em que ocorreu o crime, um grupo foi preso acusado de sequestrar a criança para a prática de bruxaria. 

De início, as investigações chegaram a Celina Abagge, esposa do então prefeito de Guaratuba, e a filha do casal, Beatriz Abagge, além de outras pessoas. Os anos se passaram e novos nomes surgiram. No ano de 2016, o Tribunal de Justiça do Paraná concedeu o perdão da pena a Beatriz. No entanto, o mistério que envolve o caso nunca teve fim.

A série está sendo produzida por AlyMuritiba e Michelle Chevrand e ainda não possui previsão de estreia. No entanto, os oito episódios, que possuem relatos das pessoas envolvidas no caso, já foram gravados.

Muritiba afirma que a série possui o tom jornalístico e investigativo do podcast de Ivan. Ele também declarou que, ainda que seja baseada em um crime macabro, a série é muito mais focada na complexidade do sistema judiciário brasileiro.