Notícias » China

Censura sobre setor digital leva Yahoo e Fortnite a deixarem a China

As empresas Yahoo e Epic Games anunciaram as medidas na última terça-feira, 2

Redação Publicado em 03/11/2021, às 13h27

Criança usa celular para jogar
Criança usa celular para jogar - Getty Images

Na última terça-feira, 2, o Yahoo anunciou sua saída da China em razão da forte censura sobre o setor digital existente no país. A também norte-americana Epic Games decidiu retirar um de seus mais populares jogos do território chinês: o Fortnite.

Os serviços do Yahoo "não estão mais disponíveis na China continental" desde o 1º de novembro, declarou a companhia em comunicado.

Segundo informações do G1, desde o ano de 2013, a empresa vinha reduzindo o funcionamento de seu serviço de mensagens no país asiático antes que tomasse a decisão final. O motivo, segundo um porta-voz da empresa, é "o ambiente comercial e jurídico cada vez mais difícil na China".

Em outubro, a rede social profissional LinkedIn, da Microsoft, também anunciou sua saída do país, cujas autoridades removem das redes temas politicamente sensíveis e que obrigam que as empresas bloqueiem conteúdos tidos como indesejados.

Já a Epic Games anunciou que a retirada do jogo de sobrevivência Fornite deverá ocorrer em meados deste mês.

Visando atingir as gigantes da tecnologia e exercer maior controle sobre a economia, as autoridades locais impuseram restrições severas para reduzir o tempo que os jovens chineses poderiam jogar videogame. Isso fez com que as ações de empresas como a Epic Games despencassem.

"Em 15 de novembro, vamos desligar os servidores e os usuários não conseguirão mais se conectar", disse o grupo em comunicado.