Notícias » Família Real Britânica

Charles teria ajudado a retirar títulos reais de Andrew

Segundo biógrafa, a decisão da rainha Elizabeth II contou com a ajuda de seu filho mais velho e de seu neto, William; entenda

Penélope Coelho Publicado em 17/01/2022, às 12h05

Príncipe Charles e príncipe Andrew, em 2006
Príncipe Charles e príncipe Andrew, em 2006 - Getty Images

Na última semana, a imprensa inglesa divulgou a informação de que o príncipe Charles foi crucial para a decisão da rainha Elizabeth II, em retirar os títulos reais do príncipe Andrew. Além disso, o príncipe William também teria colaborado para tal. As informações são do The Sun e Daily Mail.

Com a decisão da monarca, seu terceiro filho, perdeu títulos militares e não poderá mais ser considerado ‘sua alteza real’. O caso acontece em meio a um processo de investigação, em que Andrew é acusado de ter cometido abuso sexual contra uma menor de idade.

A decisão da rainha — anunciada na última quinta-feira, 13 — foi realizada um dia antes, e contou com a participação dos primeiros na linha de sucessão ao trono inglês.

Segundo a biógrafa Angela Levin, Charlese seu filho mais velho, William, teriam sido 'muito firmes' quando foram consultados pela rainha a respeito da situação de Andrew. Ambos estariam ‘furiosos’ com o escândalo sexual que envolve o nome do financista condenado, Jeffrey Epstein.

Charles adotou uma linha mais dura com Andrew e não é exatamente solidário com a posição de seu irmão [...] Eles tomaram essa decisão para proteger a instituição de ser atingida por todos os estilhaços que estão voando ao redor”, afirmou a escritora.