Notícias » China

China anuncia mudança no tempo de permanência de menores no videogame

Antes, crianças e adolescentes podiam jogar até 1 hora e meia por dia

Redação Publicado em 30/08/2021, às 13h18

Criança chinesa joga videogame
Criança chinesa joga videogame - Getty Images

Uma nova regra criada pelo governo chinês para controlar o uso excessivo de videogames tem gerado uma grande discussão. Conforme informou a agência de notícias Reuters, agora, os menores de 18 anos não poderão jogar durante mais do que três horas por semana.

Segundo a Xinhua, crianças e adolescentes somente terão acesso aos jogos às sextas, sábados, domingos e feriados, sempre em um horário marcado: das 20h00 às 21h00. Antes o limite de tempo era de 1 hora e meia, em qualquer dia da semana, sendo que, aos feriados, os jovens poderiam passar até três horas se divertindo. 

Caberá às empresas de jogos a missão de controlar o uso da tecnologia, seguindo a regra dos horários e verificando as identidades de seus clientes.

De acordo com a Reuters, a nova medida foi anunciada nesta segunda-feira, 30, e é parte de uma reforma que busca fortalecer o controle de Pequim sobre a população e os diversos aspectos da sociedade, como a economia, a educação e a tecnologia.

É importante ressaltar que as novas regras surgem em um momento em que a China tenta barrar o "crescimento selvagem" grandes empresas da tecnologia, como o Alibaba Group e a Tencent Holdings.