Notícias » China

China: Influenciadora tem corpo incendiado pelo ex-marido durante transmissão ao vivo

De acordo com a mídia local, a mulher conhecida como Lamu foi encaminhada para um hospital, mas não resistiu aos ferimentos e morreu

Penélope Coelho Publicado em 02/10/2020, às 11h13

Fotografia de Lamu
Fotografia de Lamu - Divulgação /Tik Tok

De acordo com reportagem publicada pela BBC, uma influenciadora digital chinesa faleceu após seu ex-marido ter supostamente encharcado seu corpo com gasolina e ateado fogo nela enquanto ela tentava fazer uma live em suas redes sociais.

Segundo a mídia local, a mulher identificada como Lamu tinha centenas de milhares de seguidores no TikTok. Sabe-se que ela sofreu queimaduras em 90% de seu corpo, a influencer foi encaminhada para um hospital, mas, não resistiu aos ferimentos e morreu duas semanas após o ocorrido, em 30 de setembro.

A mídia estatal chinesa, Beijing Youth Daily, informou detalhes do caso dizendo que a tela de Lamu escureceu logo após o início de sua transmissão ao vivo, em 14 de setembro, deixando seus seguidores intrigados. 

O ex-marido da mulher, identificado somente pelo sobrenome Tang, teria invadido a casa da influenciadora portando uma faca e gasolina. O caso chamou a atenção para a violência contra a mulher na China e gerou discussão nas redes sociais.