Notícias » Medicina

Cirurgiã amputa perna errada de paciente e é multada

Caso aconteceu na Áustria em maio deste ano; decisão do tribunal foi anunciada recentemente

Isabela Barreiros Publicado em 02/12/2021, às 14h00

Imagem ilustrativa de sala de cirurgia
Imagem ilustrativa de sala de cirurgia - Divulgação/Pixabay/12019

Uma cirurgiã foi multada em € 2.700, cerca de R$ 17 mil, segundo a cotação atual, por um tribunal austríaco depois de ter amputado a perna errada de um paciente idoso durante uma cirurgia que aconteceu em maio deste ano.

O júri considerou o erro da médica como negligência grave e a condenou a pagar a multa, com metade do valor suspenso, de acordo com um porta-voz do tribunal no norte da cidade de Linz na última quarta-feira, 1.

A profissional de 43 anos se defendeu durante o julgamento afirmando que as ações que resultaram na amputação da perna errada aconteceram em decorrência de “erro humano” durante a operação.

A viúva do paciente, que faleceu antes do caso chegar ao tribunal, também receberá mais € 5 mil, quase R$ 32 mil, por danos mais juros. As informações foram noticiadas pelo jornal britânico The Guardian.

A cirurgia ocorreu em maio deste ano na cidade austríaca de Freistadt. A profissional deveria marcar a perna que seria amputada do paciente de 82 anos, mas, acabou registrando o membro errado. Ela culpa a cadeira de controle na sala de operações pelo equívoco.

A médica percebeu a complicação apenas dois dias após a operação. Em nota, a direção da instituição disse que “foram analisadas em pormenor as causas e circunstâncias deste erro médico” e que os procedimentos internos foram discutidos.

Ela poderá recorrer à decisão do júri. Desde que o erro aconteceu, a profissional está atuando em outra clínica médica.