Notícias » Entretenimento

Coletânea de Mazzaropi no Looke deixa o catálogo em junho

Confira os filmes que tem data para sair do catálogo do serviço de streaming

Redação Publicado em 22/03/2022, às 17h55

Mazzaropi - O Grande Xerife
Mazzaropi - O Grande Xerife - Divulgação

A obra de Amácio Mazzaropi, um dos principais produtores, cineastas e comediantes brasileiros, deixará de ser exibida no Looke em 1º de junho de 2022.

A coletânea, composta por 12 títulos, abrange a fase das maiores bilheterias do cineasta. São filmes exibidos entre 1959 e 1979, tendo o caipira como protagonista de divertidas histórias, repletas de confusões e que, em alguns casos, discutem temas como reforma agrária, injustiças sociais, poluição, inclusão e racismo.

Entre os longas que estão saindo estão “Chofer de Praça”, “Jeca Tatu”, “O Vendedor de Linguiça”, “O Jeca e a Freira”, “No Paraíso das Solteironas”, “Jeca e seu Filho Preto”, “A Banda das Velhas Virgens, filmes estrelados por Geny Prado, atriz parceira de Mazzaropi também em programas de televisão.

Além de Geny, destacam-se as participações de atores reconhecidos como Tarcísio Meira, Zilda Cardoso, Roberto Duval, Maria Helena Dias, Roberto Pirillo, Yara Lins, entre outros. 

Outra presença marcante nos filmes é a música. O cantor Agnaldo Rayol e Lana Bittencourt, por exemplo, fazem shows musicais ao lado de Mazzaropi, em “Chofer de Praça” e “Jeca Tatu”; Elza Soares participa de “O Vendedor de Linguiças” e de “Um Caipira em Bariloche”; Peri Ribeiro, os irmãos Tony e Cely Campello, e vários outros cantores, também realizam peças musicais nos longas.