Notícias » França

Com música de Gilberto Gil, brasileira morta no atentado de Nice é homenageada na França

Simone Barreto Silva foi uma das três vítimas do ataque terrorista de 29 de outubro

Alana Sousa Publicado em 07/11/2020, às 12h15

Fotografia de Simone Barreto Silva
Fotografia de Simone Barreto Silva - Divulgação / Facebook/ Simone Barreto Silva

O atentado terrorista de 29 de outubro, na cidade de Nice, na França, ainda está repercutindo. O episódio, que deixou três pessoas mortas, incluindo a brasileira de 44 anos, Simone Barreto Silva, recebeu homenagens na manhã deste sábado, 7. A informação foi divulgada pelo portal UOL.

A cerimônia contou com a presença do primeiro-ministro do país, Jean Castex, que fez uma declaração forte sobre os ataques a faca na basílica: “o terrorismo ataca quem somos, o que constroi nossa identidade, nossa liberdade, nossa cultura e nossa vida. O inimigo, nós o conhecemos e ele tem um nome: islamismo radical”.

O evento, que aconteceu na antiga cidade colina do Castelo, apresentou músicas enquanto retrato das vítimas eram levantados. No momento de relembrar a vida de Simone, a canção de Gilberto Gil, “Toda menina baiana”, se fez presente; para prestar condolências a mulher e mostrar um pouco de sua origem brasileira.

A manhã foi finalizada com três tiros de canhão e o discurso de Castex, de fundo, uma orquestra acompanhou o desfecho da homenagem. As famílias, emocionadas, foram recebidas pelo político francês que já havia afirmado que o cruel ataque "roubou três vidas dentro de uma igreja".