Notícias » União Soviética

Como foi a abertura do primeiro McDonald's da União Soviética?

Souvenirs, recordes e lembranças de um novo modo de vida chegavam ao país

Paola Orlovas, sob supervisão de Fabio Previdelli Publicado em 26/12/2021, às 07h00

Fachada do primeiro e único McDonald's da União Soviética no seu dia de inauguração
Fachada do primeiro e único McDonald's da União Soviética no seu dia de inauguração - Divulgação / YouTube / Existical

O primeiro (e único) McDonald's da União Soviética foi inaugurado dentro da cidade de Moscou no dia 31 de janeiro de 1990, pouco mais de um ano antes do fim do país — o que levou os habitantes da capital da Rússia à loucura, dando espaço para a formação de filas quilométricas, o que resultou na quebra de recordes da franquia estadunidense.

O McDonald's de Moscou, de acordo com o Russia Beyond, bateria rapidamente o recorde de clientes da rede no primeiro dia de funcionamento, quando chegou a atender mais de 30 mil pessoas que queriam provar seus lanches, superando o recorde anterior, que até então era mantido pelo McDonald's de Budapeste, na Hungria, que havia atendido mais de 9 mil clientes curiosos no dia da sua inauguração.

Para trabalhar na primeira unidade soviética da franquia — inaugurada em meio a política de Perestroika, que abalava o trabalho no país —, no cargo de atendente, foram escolhidos jovens que estudavam dentro das melhores universidades da nação e que também tinham facilidade com línguas estrangeiras, algo importante para o caráter global da marca.

Esses jovens, ainda segundo o Russia Beyond, sorririam tanto dentro do trabalho que os clientes soviéticos ficaram chocados e até mesmo desconfortáveis, o que fez com que a gerência pedisse que eles sorrissem menos, algo que não é comum dentro de franquias dos Estados Unidos.

O restaurante também serviu, dentro daquele período, como uma forma de olhar para a cultura e o modo de vida ocidental, algo que não era tão acessível para a população até então.

Assim, no meio da animação gerada por alimentos como hambúrgueres, que eram quase inéditos, multidões de pessoas que queriam experimentar se formavam, o que acabou fazendo com que as autoridades precisassem ser acionadas, para que pudessem controlar possíveis confusões. 

Parte dos soviéticos estava entusiasmada, e essas pessoas passaram a trazer as embalagens descartáveis da comida do restaurante, que não era nada barata, para suas casas como lembranças e souvenirs, chegando até a usá-las no dia a dia.

Um Big Mac, o sanduíche mais marcante da franquia, naquela época, também de acordo com o Russia Beyond, chegava a um valor similar ao de um passe mensal de ônibus ou metrô dentro da União Soviética.

E a animação da população com a marca não passou rápido: nos primeiros anos após o fim da União Soviética, tanto em 1991 quanto em 1992, ainda podiam ser vistas as mesmas filas longas, onde as pessoas poderiam passar horas em frente ao restaurante, com novos ou antigos clientes querendo entrar para comer a comida deles para experienciar a vida americana em primeira mão. 

Assim, o McDonald's seguiu sendo um fenômeno grande na própria Rússia, e as inaugurações de outros restaurantes da marca também foram consideradas momentos históricos, que chamavam a atenção da imprensa, da população e até mesmo do governo.

A segunda franquia do país, que foi aberta no ano de 1993, contou com a presença do primeiro presidente da história da Rússia, Boris Yeltsin, que governou até o ano de 1999.


+Saiba mais sobre a União Soviética por meio de grandes obras disponíveis na Amazon:

Barbarossa. A Invasão da União Soviética Pela Alemanha Nazista em 1941, de Will Fowler (2015) - https://amzn.to/3djHInN

O último império: Os últimos dias da União Soviética, de Serhii Plokhy (e-book) - https://amzn.to/2pRjTjz

História da União Soviética, de Peter Kenez (2007) - https://amzn.to/2N6dpoE

A Invasão da União Soviética Pela Alemanha Nazista em 1941, de Will Fowler (2015) - https://amzn.to/2pVvlud

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W