Notícias » Brasil

Comprovante de vacinação é exigido aleatoriamente em aeroporto

Maioria dos passageiros do Aeroporto Internacional de Guarulhos não teve de apresentar o documento

Redação Publicado em 14/12/2021, às 13h19

Passageiros no Aeroporto Internacional de Guarulhos
Passageiros no Aeroporto Internacional de Guarulhos - Getty Images

Diversos passageiros que chegaram ao Aeroporto Internacional de São Paulo vindos do exterior não precisaram apresentar qualquer comprovante de vacinação contra a Covid-19, nesta terça-feira, 14. A exigência passou a ser obrigatória por decisão ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Luís Roberto Barros.

A passageira Priscila Carvalho Valhanes, que chegou da Inglaterra pela manhã, afirmou em entrevista ao G1 que teve de apresentar apenas uma declaração de saúde e um teste negativo de Covid.

"Quando eu cheguei aqui precisei mostrar o meu passaporte, eles pediram a declaração federal de saúde e pediram só o teste negativo de PCR ou antígeno", disse a mulher. "Não me pediram [o comprovante de vacinação]. Eu tenho as três doses da vacina", finalizou.

O técnico de informática João Pedro Rodrigues, porém, afirma ter tido uma experiência diferente no local.

"Pediram o comprovante da vacina e o teste negativo de Covid. Você nem chegava no balcão de imigração sem passar por duas pessoas que estavam verificando todos os documentos", relatou.

Daniela Perez, que estava na França, contou que apresentou os documentos antes de embarcar, mas que, no Brasil, não foi feita a mesma exigência. Ela afirmou que somente algumas pessoas que estavam no mesmo voo que ela tiveram de mostrar o passaporte da vacina.

"Pediram o formulário da Anvisa, o teste de Covid e o certificado da vacinação [no aeroporto de Paris]. Lá pediram, aqui liberaram direto, mas eles estavam fazendo umas levas, eu acho que pela quantidade de gente que estava descendo dos voos. Para uma turma da frente eu vi pedindo [o comprovante]", declarou.