Notícias » Música

Contra negacionismo, Neil Young quer remover músicas de plataforma

O músico se refere ao programa de Joe Rogan, que propaga informações falsas em meio à pandemia

Penélope Coelho Publicado em 25/01/2022, às 11h35 - Atualizado às 14h29

O músico Neil Young
O músico Neil Young - Getty Images

Nesta terça-feira, 25, o músico e compositor Neil Young— famoso por canções como ‘Harvest Moon’ e ‘Old Man’— realizou uma exigência ao serviço de música por streaming Spotify.

O cantor pediu para que suas músicas sejam removidas do aplicativo, com a justificativa de que não quer que sua arte seja compartilhada na mesma plataforma em que informações falsas são propagadas.

De acordo com reportagem da BBC, Neil se refere ao podcast de Joe Rogan, que realiza duras críticas sobre a vacinação contra Covid-19, além de promover informações que vão contra as recomendações de membros da comunidade cientifica no tratamento da doença.

"Eles podem ter Rogan ou Young. Não os dois [...] Estou fazendo isso porque o Spotify está espalhando informações falsas sobre vacinas — potencialmente causando a morte daqueles que acreditam na desinformação que está sendo espalhada por eles”, alegou o músico em uma carta escrita para seu empresário e gravadora.

Ele continuou:

“O Spotify tem a responsabilidade de mitigar a disseminação de desinformação em sua plataforma, embora a empresa atualmente não tenha uma política de desinformação”.

Segundo revelado na publicação, a nota foi publicada em seu site oficial, mas, foi removida. Até o momento em que essa reportagem vai ao ar, a plataforma não comentou o caso.