Notícias » Personagem

Controlada por uma tutela, Britney Spears revela que é impedida de engravidar: 'Estou traumatizada'

Pela primeira vez em anos, a artista falou sobre episódios bizarros que norteiam sua vida profissional e pessoal

Redação Publicado em 23/06/2021, às 19h34 - Atualizado às 19h56

Cena deletada do clipe original de Make Me (2016)
Cena deletada do clipe original de Make Me (2016) - Divulgação/Britney Spears

Nesta quarta-feira, 23, Britney Spears falou pela primeira vez em anos sobre o controle que dita sua vida profissional e pessoal desde 2008, quando foi alvo de uma tutela liderada pelo seu pai, Jamie Spears.

Em audiência que acontece agora nos EUA, visando o fim do controle abusivo, Spears deu relatos abusivos sobre a sua vida pessoal nos últimos anos. Inicialmente, ela explicou que mentiu ao falar para os fãs que estava feliz e bem, como relata o portal de notícias G1.

"Eu estive em negação, estive em choque, estou traumatizada. Não estou feliz, não consigo dormir", disse Spears. A cantora ainda frisou o seu desejo atual: "Só quero minha vida de volta".

Ao detalhar os episódios traumáticos, Spearsrevela que usa um DIU, que inibe a gravidez, contudo, não tem autorização de seus tutores para removê-lo.

"Eu tenho um DIU em meu corpo agora que não me deixa ter um bebê e meus tutores não me deixam ir ao médico para retirá-lo”, explica a cantora.

'Eu honestamente gostaria de processar minha família para ser honesta com você. Gostaria de compartilhar minha história com o mundo e o que eles fizeram comigo. Eles fizeram um excelente trabalho me explorando', disse Britney. 

Apresentações forçadas e medicamentos

Em outro momento chocante, a eterna ‘princesa do pop’ diz que acabou sendo forçada a fazer apresentações no ano de 2018 e que até mesmo fora forçada a modificar a sua medicação.

"Eu estava em turnê em 2018, não pude nem ter um advogado, já que estava há 4 anos fazenso shows e tudo que queria e precisava eram férias, mas disseram que tinha que emendar pelo financeiro", diz a cantora, conforme repercutido pelo portal de notícias Popline.

Além disso, a artista também revelou que acabou sendo alvo de várias avaliações psiquiátricas. Em determinado momento até mesmo acreditou que achou que ninguém acreditaria nela: "Faz muito tempo que não volto ao tribunal porque não sinto que fui ouvida em nenhum nível".

Ao detalhar episódios perturbadores, Britney desabafou sobre a posição de sua família nos últimos anos: “Não apenas minha família não fez nada, como meu pai foi totalmente a favor”, frisou a artista.

Britney também revelou que se sente sozinha em relação ao caso: "Me sinto deixada de lado e sozinha. E estou cansada de me sentir sozinha. Eu mereço os mesmos direitos de todo mundo de ter filhos, uma família".